Fiat confirma-se como a marca mais ecológica da Europa

A Fiat Group Automobiles confirma-se, mais uma vez, como a marca automobilística com menores emissões médias em sua gama de veículos comercializados no primeiro semestre de 2010. De acordo com o último relatório da consultoria britânica Jato Dynamics, líder mundial em assessoria e pesquisa do setor automotivo, a Fiat registrou valores médios de 123,5 g/km.
O relatório mostra a Fiat à frente de marcas como Toyota (128 g/km), Peugeot (132 g/km), Citroën (133,4 g/km), Renault (134,6 g/km), Ford (137 g/km), Opel / Vauxhall (141 g/km), Volkswagen (142 g/km), Audi (154 g/km) e Mercedes (154,5 g/km).
Fiat confirma-se como a marca mais ecológica da Europa fiat 500 108
O Fiat 500 é o modelo com menores emissões entre os 20 mais vendidos na Europa


A este resultado é acrescentado, por sua vez, o ranking “verde” dos modelos mais vendidos. Todas as marcas fizeram esforços para reduzir as emissões de seus modelos mais vendidos, mas o resultado da Fiat se sobressai, com seus modelos mais populares também no ranking dos mais eco-compatíveis. Assim, o Fiat 500 é o modelo que menos contamina (116 g/km) entre os 20 mais vendidos na Europa. Em segundo lugar está o Fiat Panda (118.9 g/km), enquanto o Punto (123,5 g/km) fica com a quarta colocação.

Por grupos automotivos, o Grupo Fiat também leva a primeira posição (126,2 /km), aumentando sua distância com relação aos outros grupos. Além disso, o Grupo Fiat é o único que consegue ficar abaixo do objetivo de 130 g/km, previsto para 2015. 
Os resultados desta análise demonstram o compromisso da Fiat para encontrar soluções inovadoras e acessíveis que reduzam as emissões poluidoras. Um exemplo é o novo motor Twin-Air de dois cilindros, disponível no modelo Fiat 500. É um motor bicilíndrico Turbo de 85 CV (900 cc) que oferece o melhor nível de CO2 para um propulsor de gasolina (a partir de 92 g/km com câmbio robotizado Dualogic e 95 g/km com câmbio mecânico), sem prejudicar o rendimento nem o prazer de dirigir.
Além disso, os motores Multiair (gasolina) e Multijet II (diesel), os câmbios robotizados e o sistema Start&Stop são alguns exemplos de tecnologias já aplicadas a automóveis em sua aposta por uma mobilidade sustentável.

Um impulso fundamental para atingir esses resultados foi dado pelo extraordinário crescimento do metano no setor. Uma visão que a Fiat Group Automobiles iniciou há mais de 10 anos e que transformou o Grupo no líder europeu absoluto, com mais de 400 mil unidades vendidas e uma ampla gama de modelos.

Fiat confirma-se como a marca mais ecológica da Europa NewFiat500 logo1


Mudança de hábitos. eco:drive

Em conjunto com as inovações tecnológicas, a estratégia ambiental da Fiat também contempla uma mudança nos hábitos de condução. Neste sentido, a marca pretende aumentar a sensibilização dos motoristas para promover cada vez mais um uso eco-compatível de seus veículos. Tudo isso graças ao sistema eco:Drive, um aplicativo computadorizado, baseado no sistema Blue&Me da Microsoft, que permite aos motoristas saber, em tempo real, em que medida seus hábitos de condução afetam seu consumo e a emissão de elementos poluentes. Além disso, o sistema pontua o estilo de dirigir, oferece um plano de melhoria e conselhos práticos sobre como ser mais ecológico na forma de usar o carro. Ao seguir os conselhos do eco:Drive, é possível economizar até 15% de combustível, com a consequente redução das emissões.

Desde seu lançamento, o aplicativo foi baixado (gratuitamente no site 
www.fiat.com/ecodrive) por mais de 140 mil usuários. Recentemente, o sistema foi complementado com a introdução do eco:Drive para Frotas, uma nova versão do programa voltada para uma gestão mais eficaz das frotas, proporcionando benefícios tanto para o ecossistema quanto para as empresas.

FONTE: FIATPRESS.COM

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *