Saiba como é o processo de produção do biodiesel no Brasil

Saiba como é o processo de produção do biodiesel no Brasil 0107 Sustentabilidade biodiesel

O biodiesel é considerado uma alternativa mais sustentável para substituir o óleo diesel utilizado em caminhões, ônibus e, também, em estações estacionárias – instalações de geração de energia elétrica. Muito utilizado na Alemanha e Estados Unidos, o biocombustível vem conquistando cada vez mais espaço no mercado, especialmente no Brasil.

Atualmente, o Brasil se mantém como um dos maiores produtores desse tipo de combustível. A legislação brasileira, inclusive, tornou obrigatório que o diesel venha com, pelo menos, 5% de biodiesel, e instituiu o Programa Nacional de Produção e Uso do Biodiesel (PNPB).

O processo de produção de biodiesel varia e pode ser realizado de diferentes maneiras, tais como o craqueamento, a esterificação ou a transesterificação, a mais utilizada. Para ser obtido, é preciso criar uma reação química de óleos vegetais ou de gorduras animais com o álcool comum (etanol) ou o metanol, estimulada por um catalisador.

O fato do país se encontrar em uma região privilegiada, com muita luminosidade e muitos recursos hídricos, ajuda nessa empreitada, já que existem dezenas de espécies vegetais no Brasil das quais se podem produzir o biodiesel, tais como mamona, girassol, babaçu, amendoim, pinhão manso e soja, dentre outras.

Atualmente, o processo de produção de biodiesel no país se concentra na soja. Isso porque, apesar dos teores de óleo não serem tão altos, o grão apresenta outras vantagens para o seu cultivo, como o rápido retorno de investimento. Além disso, ela também pode ser armazenada por longos períodos de tempo, tem crescimento relativamente rápido e seu uso não é restrito a climas quentes ou frios.

Saiba mais sobre o Iveco Trakker Bi-Fuel.

Fonte: Pensamento Verde

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *