Rodoviário Diamante realiza primeira edição do Projeto Família na Empresa, Saúde na Estrada

No
sábado (12) aconteceu na Carboni Iveco de Videira o primeiro Projeto de
Inovação da Rodoviário Diamante, denominado “Família na Empresa, Saúde na
Estrada”. Na ocasião, alguns motoristas, acompanhados de suas esposas e
filhos compareceram ao evento que tinha o objetivo de conscientizar e orientar
os profissionais e família sobre a importância de uma boa alimentação na
estrada. Cerca de 40 pessoas participaram da iniciativa, sendo que para as
crianças foi organizado um local especial com brinquedos e pintura facial.
“Sabemos
que muitos motoristas ao chegar de viagem recebem ajuda de suas esposas para
organizar a caixa de mantimentos que utilizam no veículo, os bons hábitos vêm
de casa então o objetivo da palestra era mostrar a eles como é possível ter uma
alimentação mais saudável dentro das condições vividas por eles”, afirma a
idealizadora do projeto, Suellen Campos.

Sabe-se
que a vida de um profissional motorista é corrida e muitas vezes não sobra
muito tempo para que eles cuidem de sua própria saúde. Porém, da mesma forma
que um caminhão sem manutenção tem as suas funções reduzidas, um corpo mal
cuidado não funciona bem e fica vulnerável a desenvolver doenças como pressão
alta, infarto, obesidade e colesterol alto, males que podem comprometer uma
direção segura.

A
nutricionista Lenise Regina Zanchet Camilotti explicou durante a sua palestra
expositiva que com simples mudanças no dia-a-dia pode-se melhorar a
alimentação, de maneira a deixa-la mais saudável e nutritiva. “Pode-se começar
trocando o arroz branco pelo arroz integral, ou mesclar os dois, aumentando a
quantidade do integral lentamente, além de preferir o pão integral, comer
saladas todos os dias e evitar frituras. Estes são alguns passos simples que
podem ser seguidos tanto por quem fica em casa quanto por quem vai para as
estradas”, orienta ela.

Para
o gerente da Rodoviário Diamante, Leonardo Carboni, a realização do evento
ajuda a fortificar o laço entre empresa e família, beneficiando o
relacionamento saudável de ambos e também a qualidade de vida dos
colaboradores. “É importante que as famílias se sintam acolhidas pela empresa e
percebam que também nos preocupamos com o seu bem-estar. Integrando as esposas
no processo, estamos pensando na saúde de toda a família. Acreditamos que a
melhor forma de os ajudar é ser exemplo, e este exemplo deve começar em suas
próprias casas”, finaliza.

Texto e fotos: Caroline Carboni.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *