Como recebo a carta de crédito do consórcio de automóvel?

Como recebo a carta de crédito do consórcio de automóvel? imagens artigos Realiza Carboni14

O consórcio é uma modalidade financeira que reúne pessoas jurídicas e/ou físicas, com a finalidades para adquirir serviços ou bens. No caso de consórcio de automóvel, cada um dos cotistas ou consorciados pagam mensalmente uma parcela. Todos os meses consorciados são contemplados por meio de sorteio ou lance. A partir daí, eles vão receber a carta de crédito do consórcio do consórcio de automóvel.

Definição da carta de crédito

A carta de crédito é um documento com valor determinado que é oferecido pela Administradora do consórcio quando o participante é contemplado. Por exemplo, se a pessoa fez um consórcio de automóvel no valor de 70 mil em 84 meses, ele vai receber a carta de crédito corrigidos pelos índices de valorização indexados ao crédito, conforme contrato de adesão.

 

Leia também: Como fazer simulação de consórcio de automóvel?

 

É importante lembrar que apesar de ser contemplado, o consorciado vai continuar a pagar as parcelas até a quitação da mesma.

O funcionamento da carta de crédito estabelece maior segurança para ambos os lados: cotista e administradora do negócio. Ela é uma espécie de vale-compra para o contemplado. A partir do recebimento da carta, o consorciado irá poder comprar o seu bem.

Benefícios da carta de crédito

Um dos principais benefícios da carta de crédito é o poder de negociação que a pessoa contemplada tem em mãos. A carta de crédito é uma espécie de pagamento à vista que garante ao contemplado obter descontos no ato da compra.

Além disso, o crédito pode ser utilizado de várias formas. Não necessariamente, a pessoa pode comprar o bem escolhido

O consorciado pode pegar o valor em dinheiro, mas é preciso respeitar as regras contratuais estabelecidas pelo Banco Central.

É importante que a Administradora seja autorizada pelo Banco Central para que as assembleias e as cartas de créditos tenham validação.

Como recebo a carta de crédito do consórcio de automóvel

Mensalmente, acontecem as assembleias em que todo consorciado participa por meio de sorteio ou lance. Caso o cotista seja contemplado, ele recebe a carta de crédito para a aquisição do bem.

Após isso, a Administradora analisar e aprovar as garantias exigidas em contrato para o recebimento da carta de crédito do consórcio do consórcio de automóvel.

Sorteio

Cada Administradora escolhe como realiza as assembleias: virtuais ou presenciais. A maioria utiliza os resultados da Loteria Federal para a definição das cotas sorteadas.

Independentemente da quantidade de parcelas pagas, o sorteado vai receber a carta de crédito no valor do contrato reajustado com os índices previstos.

Todos os consorciados irão receber a sua carta de crédito do consórcio do consórcio de automóvel. O sorteio só define a ordem desse recebimento. Nessa modalidade, todos os consorciados concorrem em condições iguais.

Lance

Já no caso do lance funciona como uma espécie de leilão, podendo ser virtual ou presencial. Os lances são efetuados horas antes da realização da assembleia, quando os cotistas fazem seus lances.

Há dois tipos de lance: fixo e livre. Quando o consorciado faz a oferta de um lance. Ele tem a oportunidade de antecipar a sua contemplação.

Dependendo da quantidade de cotas do grupo, a Administradora escolhe quantos lances podem ser aceitos a cada assembleia. É importante observar o perfil do grupo.

O consorciado possui maiores chances quando o lance é feito na faixa de 25% a 50% sob o valor de sua dívida. Mesmo assim, não é garantia que ele saia vencedor. Os maiores lances são os vencedores. E mesmo que o consorciado não seja contemplado, vale como uma concreta experiência para que ele se ajuste nas próximas tentativas.

Atraso de parcelas

É fundamental que o consorciado entenda que essa modalidade financeira é uma espécie de poupança em conjunto com várias pessoas. Portanto, ele precisa escolher um valor de parcela que caiba no seu orçamento.

No entanto, imprevistos acontecem e o consorciado pode atrasar parcelas por motivos particulares. Elas podem ser pagas, no caso de cota não contemplada sem multa e juros, de acordo com o contrato. Mas, o participante que está com pagamento atrasado não pode participar das assembleias.

Essa é uma das principais regras das assembleias, o consorciado deve estar com os pagamentos em dia para participar tanto no sorteio quanto no lance.

Caso o consorciado não consiga prosseguir com o consórcio, ele deve procurar a Administradora para negociar a saída do grupo ou transferir sua cota para outra pessoa. Lembrando que o consorciado receberá os valores pagos deduzidos de multas por quebra contratual, conforme explicitado no contrato de adesão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *