Consórcio ou financiamento de imóveis, qual é o melhor?

Consórcio ou financiamento de imóveis, qual é o melhor? imagens artigos Realiza Carboni9

Construir patrimônio, diversificar investimentos ou mesmo, ter a segurança do imóvel próprio, é um desafio para muitas pessoas. Neste sentido, a escolha entre consórcio ou financiamento de imóveis acaba sendo quase que via de regra.

Como juntar todo o valor de um imóvel é desafiante, estas duas opções veem a cabeça de praticamente todas as pessoas com este objetivo. Há muitas dúvidas e medos em relação à ambos.

Antes de optar por uma destas modalidade de crédito, é fundamental entender as vantagens de cada um deles e o que melhor se enquadra no que você espera. Aqui, a desinformação pode trazer vários problemas.

Por isso, nós queremos te ajudar. Vamos te mostrar como ter um patamar mais amplo e entender as vantagens e desvantagens do consórcio ou financiamento imobiliário.

O que é melhor? Financiamento imobiliário? Consórcio?

Antes de falar de cada um destes modelos, é importante entender os conceitos básicos de funcionamento de ambos.

No financiamento, você recebe o dinheiro após a aprovação. Porém, como a instituição que financia tem como produto o dinheiro, ela cobra uma taxa de juros sobre este montante emprestado.

Já no consórcio não há uma instituição financiadora. Com isso, não temos as taxas de juros. O que você paga é o valor do bem, acrescido apenas das taxas de administração e fundos reserva.

Porém, no primeiro você recebe o valor para a compra logo após a aprovação. No consórcio, a liberação do dinheiro acontece mediante a contemplação da cota, através de sorteio ou lance.

Por isso, não há entre os dois, um que seja melhor para toda e qualquer situação. O que temos é um perfil de pessoa e objetivos que se enquadra melhor em cada um deles.

Faço um consórcio ou um financiamento imobiliário?

Esta é uma decisão muito pessoal e vários fatores devem ser levados em consideração. Mas para que você tenha mais clareza, existem alguns pontos que vão te ajudar a ter mais assertividade na decisão.

1 – Tempo

Este é provavelmente o fator mais importante no primeiro momento. Você quer o imóvel para moradia? Quer sair o mais rápido possível do aluguel? Ou quer ele como forma de investimento?

Se for o primeiro caso, onde o tempo é um problema, o financiamento é mais indicado. Agora, se o tempo não é um problema, o consórcio sempre será a melhor escolha.

O tempo sempre será um fator altamente relevante nesta escolha. Afinal, estamos falando de crédito, onde o tempo pode incidir sobre mais juros ou mais custos. Por isso, o tempo é o primeiro fator a ser levado em conta na escolha pelo consórcio ou financiamento imobiliário.

2 – Dinheiro disponível

Na maioria dos financiamentos imobiliários, um valor de entrada é obrigatório. Se você dispõe desse dinheiro e tem pressa na aquisição, o financiamento é mais indicado.

Se você possui este valor, mas não tem pressa, pode optar pelo consórcio e usar este valor como uma oferta de lance. Dependendo de quanto é este valor, será mais útil optar pelo consórcio, por que ele se torna mais barato.

3 – Objetivo

Se o imóvel é para moradia em curto prazo, há uma abordagem. Se ele é para investir, você tem outras formas de analisar. Nestes casos, é muito importante analisar qual seu objetivo, tempo e disponibilidade de dinheiro.

Lembre-se que no caso da escolha entre consórcio e financiamento imobiliário, o tempo é fator determinante. Sabendo isso, será muito mais fácil escolher a melhor opção!

Em ambos os casos, temos situações onde cada um deles se enquadra melhor. A escolha entre ambos depende do que você realmente está buscando.

Se você ainda está em dúvida, converse com a Carboni Consórcios, para conhecer mais sobre as vantagens desta modalidade de crédito.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *