Pneus: entenda a aplicação dos diferentes modelos e dimensões

O modelo de pneu faz uma grande diferença na eficiência do deslocamento de um caminhão. Nem sempre o ideal será o mais barato, porém a longo prazo o investimento vai se dissolver em economia de combustível, potência na rodagem e maior duração do pneu. Ocupar os formatos corretos para cada eixo de acordo com o peso da carga e as condições da estrada é fundamental, pois escolher o pneu errado pode causar grandes prejuízos como desgastes desnecessários e acidentes.

A principal maneira de escolher a melhor opção para o seu veículo é analisando o trajeto que será percorrido em cada viagem. Confira:
Trajeto Rodoviário – Pneu de baixa severidade
Para viagens longas em rodovias bem asfaltadas, os modelos de pneu ideais possuem estrutura mais leve, focado na melhor aderência, favorecendo a velocidade e economia de combustível. Esse será o mais recomendado para aquela frota que trafega a maior parte do tempo em longas retas e em velocidade média alta.
Atenção: estes modelos não suportam o mesmo peso, calor e danos que outros modelos. Tentar usá-lo em uma estrada de terra, por exemplo, será mais do que ele pode aguentar.
Trajeto Regional – Pneu de média severidade
Esse pneu será o mais indicado para as rotas asfaltadas de média distância características no Brasil, com aclives e curvas. Nos trajetos que usam vias expressas como acesso e depois precisam passar por ruas tortuosas até chegar ao seu destino, é uma boa opção ter um meio termo entre resistência e velocidade. Muitas frotas optam por essa categoria. Porém, é necessário analisar que tipo de estrada é claramente predominante: escolha esse modelo apenas se houver uma divisão equitativa entre longas retas e trechos sinuosos.
Trajeto Misto – Pneu misto
Em rotas compostas por estrada com asfalto e trechos com terra (off-road), o pneu misto será ideal. É o caso, por exemplo, de pneus de coleta de lixo ou veículos para aplicação agrícola, que rodam tanto pela cidade como pelo interior.
Trajeto Fora de Estrada – Pneu Off-road
Esses pneus são direcionados aos veículos que precisam de força e aderência para trafegar por terreno acidentado e condições brutas, com pedras, terra, aclives bruscos, etc. Muito usado em caminhões de mineradoras, madeireiras, entre outros.
Trajeto Urbano – Pneu de alta severidade
Para tráfego de cidade que exige manobras e frenagens constantes, também há um pneu específico. Estes são mais duros e pesados, suportando alta capacidade de carga mesmo em situações de manobras difíceis e frenagens constantes. Ele oferece aderência básica e exige um pouco mais de potência do motor, mas sua durabilidade nessas condições é consideravelmente mais alta. Os tipos de veículos que mais utilizam estes modelos são as vans e ônibus de passageiros e os caminhões para entregas urbanas.
Além do trajeto predominante, os pneus também são classificados segundo a posição, capacidade de carga e medidas. Existem pneus específicos para o eixo de tração, para o eixo livre, e também os pneus que podem ser usados em todas as posições.
Para entender um pouco melhor como as informações estão expressas na nomenclatura do seu pneu, tomaremos como exemplo o modelo da Bridgestone 
R249 315/80R22.5.
R249 – denominação comercial do produto
315 – largura da banda de rodagem em milímetros
80 – altura da parede lateral (80% da medida da banda de rodagem)
R – tipo de construção “Radial”
22.5 – diâmetro do aro em polegadas
Usar um modelo de pneu que não seja adequado para o tipo de trajeto é, no mínimo, um incômodo. Logo você vai sentir alguma instabilidade no meio do percurso, dificuldade em guiar o veículo, além de notar o desgaste rápido dos pneus. Então, vale mais a pena investir em um modelo mais adequado à sua viagem do que precisar de um reboque no meio da estrada.
Na Carboni, você poderá encontrar modelos de pneus Bridgestone e Continental para toda a linha de leves a extrapesados Iveco. Entre em contato com um consultor e deixe sua frota “nos eixos”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *