Banco CNH Industrial passa a aceitar assinatura digital em documentos

Banco CNH Industrial passa a aceitar assinatura digital em documentos aprenda como fazer uma assinatura eletronica

A fim de atender às exigências da Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais do Brasil (Lei 13.709/2018), desde 24 de agosto todas as novas propostas de financiamento deverão utilizar o novo modelo de Termo de Autorização de Consulta ao SCR e de Proteção de Dados. Caso haja divergência, a proposta será pendenciada para regularização.

Não será possível a reutilização de termos de autorização que estejam no formulário antigo. Assim, o envio de um novo é obrigatório, mesmo em casos de clientes que já tenham assinado um termo cuja vigência esteja dentro do prazo de até 360 dias ou para clientes do Banco CNH Industrial com contratos ativos.

Fique atento aos seguintes itens do documento:

  • Dados dos envolvidos na proposta (proponente(s) e avalista(s)/devedor(es) solidário(s)) devem ser preenchidos corretamente;
  • É obrigatório o preenchimento das informações de local e data no documento;
  • O termo deve ser devidamente assinado pelos envolvidos ou, em caso de pessoa jurídica, pelo(s) representante(s) legal(is) da empresa conforme última alteração contratual consolidada, ou por procuradores devidamente outorgados;
  • O documento deverá ser anexado à ficha cadastral no WebDealerna categoria “Documentos do Cliente” no momento do envio da proposta de financiamento ao Banco, ou assinado no aplicativo +Capital.

Mais informações sobre o SCR podem ser obtidas em consulta no site do Banco Central:  www.bcb.gov.br/sc.

Mais informações sobre a LGPD podem ser obtidas em consulta ao departamento encarregado pela Gestão da Proteção de Dados do Banco CNH Industrial: Data ProtectionOffice (DPO) [email protected]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *